domingo, 6 de maio de 2007

“A premissa básica de Lost parece simples: no primeiro momento, 48 pessoas sobrevivem a um acidente aéreo em uma ilha tropical supostamente deserta. Quando ninguém surge para resgatá-los, as pessoas percebem que devem ficar unidas, por uma questão de sobrevivência. O que acontece com elas em grupo ou individualmente durante esse tempo concentra a atenção em torno da TV, enquanto eles lutam com problemas pessoais e se esforçam para sobreviver em uma ilha repleta de perigos naturais e outros tantos desconhecidos”.
O que teria a ver esse seriado com nossa saída da Torre de Vigia, não seria muita criatividade essa associação? Por incrível que parece não! Temas como superação, renascimento, superação, são universais e imanentes a essência humana. “À época do acidente, cada um deles estava perdido na vida. Os sobreviventes estão desiludidos, viciados, aprisionados e mutilados de muitas formas. A ironia em Lost é que, conforme diminuem a cada dia as chances de resgate dos sobreviventes, aumentam as possibilidades de encontrarem a si mesmos e iniciarem uma nova vida. Num episódio, Kate uma das personagens comenta:” Não importa...quem fomos ou o que fizemos...Três dias atrás todos nós morremos “. O que importa é o que essas pessoas se tornam na ilha”.
A Morte simbólica para um renascimento é algo bem presente em todos nós que saímos das Testemunhas de Jeová, e existem vários tipos de traumas pós-saída dessa denominação religiosa, pois assim como no acidente do seriado, seus sobreviventes saem com muitas seqüelas e ainda são obrigados a conviver com um mundo (ilha) que lhes é totalmente novo e com isso hostil. A maneira como cada um encara isso também é bem diversificada, pois assim como no seriado muitas Ex-Testemunhas de Jeová esperam ainda que seu novo rumo na vida seja orientado por uma ajuda externa e se esquecem que a salvação primeira em jogo é a do seu interior, um reordenamento de idéias e de sentimentos.
A vida “baseia-se na aceitação primordial de que todo mundo enfrenta monstros pessoais e se desvia do caminho em determinada altura da vida. Todo mundo em uma ocasião ou outra anseia por um recomeço”.
“Em Lost, é comum a filosofia e a espiritualidade (ou ausência desta) dos personagens estarem muito próximas, porque quase todos os dias os náufragos enfrentam experiências que mudam suas vidas. Eles precisam de algum fundamento para a própria existência, algo que dê sentido ao que aparenta não fazer o menor sentido”.
“Assim como os náufragos, nós devemos conviver com o medo e a perda. Os riscos na ilha são altos, como na vida real. Os personagens têm maneiras tão diferentes de lidar com a incerteza quanto nós. Entretanto, Lost também ilustra valores mais amplos que ajudam as pessoas a lidar com o caos da própria vida. Esperança, fé, redenção, renascimento, sina e destino transcendem uma religião única e expressam a universalidade das crenças espirituais e filosóficas”.
OBS: Textos entre aspas do livro “Desvendando os mistérios de Lost”.



Categorias:

4 comentários:

  1. SEU TEXTO MOSTRA CLARAMENTE QUE VC AINDA VIVE PRESO AS TESTEMUNHAS DE JEOVÁ...TÁ PRESO AO PASSADO,É HORA DE VIVER UMA NOVA VIDA...ISSO É TRAUMA PROCURE UM ANALISTA

    ResponderExcluir
  2. Pois é, não é que vc acertou em uma coisa: muitos que saem da Torre foram vítimas de abusos ou traumas...a recuperação para uns é muito difícil, por isso minha disposição a ajudá-los a superar uma denominação religiosa pseudo-cristã, cheia de contradições e de falácias!!A vida continua, sempre em frente, unindo todos contra ideologias vazias da Torre de Vigia!

    ResponderExcluir
  3. VC TEM DISPOSIÇÃO EM AJUDAR A OUTROS A SUPERAR TRAUMAS??? VC NÃO PODE AJUDAR NEM A VC MESMO MEU CARO....ESSE BLOG É A PROVA NITIDA DE PARANÓIA. ALGUÉM QUE NÃO CONSEGUE A SE LIBERTAR DO PASSADO E VIVER O PRESENTE PRECISA PROCURAR UM PROFISSIONAL E SE TRATAR. ENTÃO, ACHA MESMO QUE PODE AJUDAR ALGUÉM????

    ResponderExcluir
  4. Meu objetivo é apenas dialogar, conversar, questionar...eu sei que é dif´cil seu raciocínio acompanhar isso...entendo mesmo...
    Pelo visto alfa vc parece ter uma intimidade muito grande com o sentimento de frustração e de saber muito sobre profissionais de saúde...o tratamento está indo bem então né? Confio na sua recuperação. Abraços!

    ResponderExcluir

Esse espaço é para um diálogo construtivo...agressões, palavrões ou mesmo ataques pessoais vão ser solenemente excluídos. Comentários que tem uma base de raciocínio e um desejo sincero para aprofundar sobre os temas citados serão muito bem recebidos e publicados. Seria interessante (não obrigatório)ao postar o usuário se identificar!