terça-feira, 26 de maio de 2009

Por não se ter executado prontamente a sentença contra um trabalho mau é que o coração dos filhos dos homens ficou neles plenamente determinado a fazer o mal. - Eclesiastes 8:11 - TNM

Aquí, conforme ensina a Torre, há um princípio segundo o qual deve-se 'executar depressa uma sentença' contra um trabalho mau para que este não se perpetue. Penso que o deus bíblico falhou em aplicar este princípio de sua palavra. Lendo a revista A Sentinela de 1º de janeiro de 2009 encontramos o seguinte sobre a suposta ocasião em que anjos vieram à Terra:

Algum tempo depois, vários anjos vieram à Terra e se transformaram em humanos. Jeová não os havia designado para cuidar de algum assunto na Terra. Em vez disso, eles "abandonaram a sua própria moradia correta" no domínio espiritual. (Judas 6) Suas motivações eram egoístas. Casaram-se com mulheres, que deram à luz descendentes híbridos chamados nefilins. Os nefilins e seus pais rebeldes encheram a Terra de violência e de outras maldades terríveis. (Gen. 6:1-5) Jeová lidou com a situação trazendo o Dilúvio global dos dias de Noé. A enchente destruiu mulheres e homens maus, junto com os híbridos. O que aconteceu aos anjos? O Dilúvio os obrigou a voltar ao domínio espiritual. Mas Jeová os impediu de reassumir "sua posição original". (Judas 6) A Bíblia diz: "Deus não se refreou de punir os anjos que pecaram, mas, lançando-os no Tártaro, entregou-os a covas de profunda escuridão, reservando-os para o julgamento." - 2 Pedro 2:4. ... Os demônios não podem mais se materializar, mas ainda têm grande poder e influência sobre a mente e a vida das pessoas. Eles podem controlar humanos e animais. - w1/01/09, pág. 12, parágrafos 6-8

Então, Jeova "lidou com a situação" trazendo um dilúvio que destruiu meros mortais, mas não os legitimamente responsáveis por certo "trabalho mau" - os anjos que vieram do domínio espiritual. Estes, segundo se entende, continuam vivos 4.300 anos depois daqueles eventos "nos dias de Noé", inclusive tendo grande poder de influenciar a mente e a vida das pessoas!  

Parafrasendo, o texto de Eclesiastes poderia ficar assim : "Por não se ter executado prontamente a sentença contra um trabalho mau é que o coração dos filhos de deus (os anjos decaídos) ficou neles plenamente determinado a fazer o mal."



Categorias:

3 comentários:

  1. Olá


    O autor parece não reconhecer o que são princípios bíblicos, ou se o sabe, não entendeu este, pois ele é válido universalmente.. segundo o autor "há um princípio segundo o qual deve-se 'executar depressa uma sentença' contra um trabalho mau para que este não se perpetue", mas a aplicação do princípio sugere precisamente o contrário, isto é, que o tempo demonstre a veracidade do mesmo... Houve razões diversas para Deus "não executar prontamente a sentença", à semelhança do que fazem hoje os tribunais locais, pois o homem tem limitações, que o tempo ajuda a superar...
    Talvez o autor tenha falta de sabedoria e precise pedi-la a Deus... (Tiago 1:5)
    Obrigado.
    Victor Rito

    ResponderExcluir
  2. olha minha família é tj desde q nasci,eu fui publicadora e depois fui afastada,antes de sair era bem tratada,todos me cumprimentavam..depois passaram a me olhar como uma má influência.e olha q nem fui desassociada,e eles fizeram o mesmo,me ignoraram!certo dia quando fui a uma reunião ouvi o seguinte comentário: por que ñ volta p jeová...vc uma menina tão bonita ser destuída assim...vejam só já estavam querendo q eu morresse!quem eles são p dizer que vou ser destruída?

    ResponderExcluir

Esse espaço é para um diálogo construtivo...agressões, palavrões ou mesmo ataques pessoais vão ser solenemente excluídos. Comentários que tem uma base de raciocínio e um desejo sincero para aprofundar sobre os temas citados serão muito bem recebidos e publicados. Seria interessante (não obrigatório)ao postar o usuário se identificar!