Seguidores

Google+ Followers

terça-feira, 16 de setembro de 2008

UMA HISTÓRIA DE INTOLERÂNCIA

Durante toda minha vida estive associado às Testemunhas de Jeová, batizando-me em 26 de setembro de 1.998, porém, no dia 27 de setembro de 2.007, fui desassociado, ou seja, expulso por pensar diferente em certos aspectos doutrinários e administrativos. Não importa o quanto você possa ter contribuído para a propagação desse grupo, a simples recusa de um entendimento oficial pode torná-lo passível de pena capital. Os líderes das Testemunhas de Jeová são comumente chamados de Corpo Governante, um grupo de homens com sede nos Estados Unidos da América, possuindo representantes locais em cada congregação espalhada pelo mundo, os “anciãos” (o que corresponde aos “pastores” nas igrejas evangélicas). Ainda segundo essa liderança religiosa, eles são os únicos autorizados por Deus para interpretar a bíblia e divulgar o Seu nome.
Muito embora os membros dessa associação religiosa não digam abertamente
as pessoas, o entendimento deles é de que a única forma de alguém ser salvo é se tornando membro desse grupo. Assim, se você não é membro batizado dessa associação religiosa, possui uma grande chance de ser destruído no grande Dia de Deus (o Armagedom). A face da intolerância religiosa torna-se visível quando um determinado membro exige explicações sobre certas doutrinas, um de seus livros diz:
“Embora talvez não entendamos plenamente as razões por trás de certas decisões, sabemos que acatá-las será para nosso bem-estar duradouro” –
Organizados Para Fazer A Vontade de Jeová, 2005, p. 20.
Notamos na citação acima a evidente recusa do raciocínio lógico, você não poderá contestar nada. Geralmente, isso nunca é dito de forma clara aos que estudam com as testemunhas de Jeová, ou é feito de forma manipulada sem que o impacto dessa declaração seja significativo, na verdade, aplica-se uma espécie de anestesia na consciência dos estudantes. Em conseqüência, uma vez que a pessoa se batiza, tornando-se membro, jamais poderá sair sem perder sua dignidade diante dos demais. Após pedir desligamento ou ser expulso, todos os outros estarão terminantemente proibidos de manter contato com você, pois quem o fizer, persistindo, estará sujeito a ser expulso também.
Assim é que as Testemunhas de Jeová imaginam que praticam o verdadeiro cristianismo. Será esse o modelo correto? Esse texto foi composto com o objetivo de esclarecer ao leitor o lado obscuro e incerto, que, sem dúvida, está envolvido em associar-se com certos grupos religiosos sem conhecê-los profundamente. Nesse sentido, que o leitor use de discernimento.
Hugo Martins

32 comentários:

  1. ALEX REIS em 24/09/2008
    CARO COLEGA, PARABÉNS PELA INIICIATIVA DESTE FORUM, MAS DIGA ME UMA COISA POR FAVOR AGORA LIBERTOS DESTE AGRILHÃO ONDE VCS CONGREGAM? O QUE MUDA PARA VCS NAS MINISTRAÇÕES DAS PALAVRAS QUE "SEGUNDO CONHEÇO " OS TJ SÃO CAUTELOSOS EM DISCUSSÕES DE ASSUNTOS QUE DIVERGEM FACILMENTES AO TEOR DA PALAVRA DE DEUS . GOSTARIA DE SABER MAIS SOBRE VCS DO FORUM PARA RETIRAR AS TRAVES DOS OLHOS DAQUELES QUE AINDA ESTÃO NA LOUCURA DE ACREDITAR QUE NÃO EXISTE UM LUGAR PREPARADO PARA TODOS NÓS NA ETERNIDADE COM CRISTO!!!!!!!!!!!!!!!! AGADEÇO DESDE JÁ A ATENÇÃO DISPENSADA ALEX REIS
    Meu E-mail

    ResponderExcluir
  2. Alex obrigado pelas palavras de incentivo. Apenas para reforçar esse texto que estamos comentando foi um desabafo de Hugo Martins uma ex-Tj.
    Alex muitas ex-tjs tomam diferentes caminhos após sua saída da Torre de Vigia. A grande maioria não se interessa mais em religiões organizadas e outras tantas passam a questionar até certas literalidades bíblicas. A importância de Blogs como esse é sempre alertar que qualquer forma de religiosidade que leve uma pessoa a um fundamentalismo deve ser combatida.
    Abraços!

    ResponderExcluir
  3. fui tj por 18 anos tbm e faz 13 q sai para me tornar cristão verdadeiro ,hoje sou crente na congregação cristã no brasil,Jeová me abençoa mt ali,pois é uma igreja que procura seguir os modelos apostólicos,sem inclusive cobrar dinheiro dos seus membros,é linda eta obra,
    além de mim minha mãe q tbm era tj é crente e meu pai.
    A paz de Deus,conheçam este ministerio

    ResponderExcluir
  4. Para quem havemos de ir? antes de me ter desligado da STV, eu me fazia essa pergunta. estava eu desassociado quando entro em contacto com uma série de informaçoes contra as tj. Recebi o livro crise de consciencia mas depois queimei-o sem mesmo ter lido. retornei a org das tj para minha desilusão, eles não tinham mudado sua mentalidade fechada e dogmatica. Não me senti bem e numa feira de livros encontro outra vez o livro crise, o que peguei sem pestanejar e li-o todo. Depois de considerar com muita oração o assunto pedi meu desligamento da torre, hoje sou considerado um apostata.
    fiquei andando errante, desolado e parecia que suas profecias se cumpriam (vai te acontecer muitos problemas)mas como eles sap falsos profetas decidi mudar o rumo da minha vida, orei co fervor a Deus e aceitei Jesus Cisto como meu único e suficiente salvador e aceito a orientação do Espirito Santo (não uma força impessoal). Não procuro religião verdadeira pois não existe, deixar crescer junto o trigo e o joio e saber-seá que de facto serve a Deus. Congrego com a Assembleia de Deus Pentecostal e está a ser uma boa experiencia. já não tenho precoceitos religiosos e se me apetecer assistir culto na Igreja Batista tb vou. sinto-me feliz com a minha liberdade religiosa.

    Isalino Augusto Luanda-Angola

    ResponderExcluir
  5. disseste que este texto foi escrito com o objectivo de esclarecer ao leitor, a mim não esclareceste nada o que ficou bem claro é que estás ressentida com a tua expulsão da congregação não por pensares diferente a biblia diz que cada um tem o seu livre arbitrio parece que não soubeste uasr bem o teu.
    mais uma coisa, não voltas a escrever essas coisas só porque estás amargurada.
    eu não sou testemunha de jeova mas já falei muitas vezes com elas asssisti varias vezes as suas reuniões tenho amigo que são TJ, mas Testemunhas mesmas não igual a ti que com um simples explusão ja falas mal.
    Pense bem no que estás fazendo.

    ResponderExcluir
  6. olha sinceramente não acredito em nenhuma religião no entanto ,vcs aõ de concordar comigo que alguns ensinamentos tem bem mais logicas doq as de mtos igrejas por ai,porem ,para mim tdo não passa de hipocrisia,sou filha de tj´s e fui batizada durante 5 anos ,fui pioneira regular durante 2,e não cuspo no prato que comi.embora não deseje voltar,pois ,também vi mta hipocrisia naquela que considerava a religião verdadeira.

    ResponderExcluir
  7. digo que vcs renunciaram a fe na verdade, ou ficaram comedo de sair pregando de casa em casa pois ser um crente ou pentencostal participar de uma religiao qualquer e muito facil pois isso eu fiz mais de 15 anos, se uma persoa vai pelo menos uma vez por semana na sua igreja e paga o dizimo ja vaiter uma vida eterna serar que ganhaar uma vida eterna e tao facio assim? mais jesus enssinou de outra forma que temos de renuciar a nossa vida para te a vida eterna como ele fez dedicor a sua vida ater a morte.

    ResponderExcluir
  8. Olá anônima que não é testemunha de Jeová e vem dar uma opinião sem ter o conhecimento de causa. Fica estranho isso não é verdade? Talvez tenha lido com pressa ou mesmo na ânsia de querer apenas expor suas idéias não tenha percebido o conteúdo do texto. Ninguém aqui critica pessoas, pois temos familiares TJs. Ninguém aqui está amargurado por falar de erros escondidos dentro da cúpula das TJs (Corpo Governante) ao contrário apenas falamos a verdade e parece que vc se mostra rancorosa por isso.
    Peço que nos mostre onde estão os erros e prove aqui no Blog se existe alguma inverdade. Se você conseguir isso eu deleto o blog! Obrigado!

    ResponderExcluir
  9. Olá anônima que foi criada como TJ. Ensinamentos bons podemos encontrar em muitos lugares e até a Bíblia diz que Satanás persiste em se transformar em anjo de luz, então como diria o poeta: o "inferno" está cheio de boas intenções" concorda?
    Se vc vê muita hipocrisia num local vc se cala? Falar de erros que podem prejudicar outras pessoas é cuspir no prato que se comeu? Mas, vc disse que lá tem muita hipocrisia não foi? Então esse prato deve estar sujo! Se calar diante disso não é omissão? Medite nisso!

    ResponderExcluir
  10. Olá anônimo fundamentalista. Me dirijo assim a você porque uma pessoa que reivindica para si a "verdade" como algo privado e que só você tem razão em detrimento a todas as outras pessoas no mundo e que ainda vai contra o espírito do cristianismo que é de ser humilde para com o próximo...então não preciso dizer mais nada não é verdade? Precisas de amor na tua vida para poder querer pregá-lo!

    ResponderExcluir
  11. Eu fui TJ e hoje sou desassociado, quando estudadva, nunca aceitei de primeiro o que me era ensinado, (a inexistencia de uma alma imortal, a doutrina da trindade com sendo falsa, saber que nem todos os bons vão para o ceu e ainda outras crenças eu creditava), só depois de muita pesquisa é que pude ver que realmente esses conceitos que eu tinha eram errados. Hoje na minha condição de desassociado olho para traz e tenho plena conciencia de que não tomei lavagem cerebral, mas aprendir sima verdade.
    Outrossim, a ídeia do "eu acho", da margem para o aparecimento de muita religiões, pois bem, o HOMEM nos dotou de livre arbritio, e temos a oportunidade de escolher o que for bom aos nossos olhos, contudo isso acarreta responsabilidade. Creio que voces quando aceitaram a verdade eram pessoas que gosavam plenamente das suas faculdade mentais e agora vem com a conversa de lavagem ou que estava cego ou coisa assim. Jesus dsse que quem com ele não ajunta espalha, então refflita se voces estão ajuntatdo ou espalhando. No começo do Cristianismo era os apostolos que diziam como a congregação tinha que agir(Veja as cartas de Paulo, Pdro e outros), talvez se voces tivesse vivido naquela epoca certamente levantaria forte oposição a eles, mas como vivem nos dias de hoje vces poderão dizer "os apostolos tinha poder para isso", pois bem os apostolos morreram e quem deve tomar a frente da obra, voces que parecem indeciso nas dcisões ou pior, tomam a decisão, voltam atraz e cospem no prato que comeram. Quero que fique claro que atualmente sou desassociado e sei que a desassociação é um mandamento bíblico, não por tirania do Corpo de ancião ou governante, mas porque minha vida não se harmonizou com a verdade.
    QUE JEOVÁ O UNICO DEUS VERDADEIRO E JESUS CRISTO SEU FILHO, TENHA MISERICORDIA DE TODOS NÓS.

    ResponderExcluir
  12. sinceramente.... vc diz muito e não prova nada!!!! vc não tem fundamento para distorcer o que pregam as tjs, já o que elas dizem é fundamentado pela biblia texto por texto.... e só o fato de vc ser ex testemunha de jeová só prova o quanto não merecia estar entre elas. Não foi forte e sábia o sufuciente para entender e paraticar os ensinamentos dados lá.... Há e quanto a foto de dois senhores com revistas nas mãos estando supostamente naquele evento supostamente politico.... não prova que são testemunhas de jeová e nem que as revistas são publicações delas!

    ResponderExcluir
  13. olá sou a anonima que não é TJ, mas tu não imaginas quão conhecimento eu tenho, pois já li a biblia muitas vezes, e não pensas que é por rancor como disseste que falo isso mas sim por pena de te ver perder a tua vida. Li muito bem o seu comentario e pelo que eu pude aperceber não há nenhuma verdade nisso. LEIA A BIBLIA POR FAVOR

    ResponderExcluir
  14. olá, sou ex- testemunha de Jeová e me retiraram da congregação sem nem me comunicar.Parei de freqüentar às reuniões , quando enfrentei oposição ao cursar um curso superior,nos idos de 1989.
    Fui parando aos poucos, por muitas vezes não ser compreendida e não compreender certas doutrinas ( como aos dos 144.000 ), geração de 1914 etc. O pior que trabalho no mesmo lugar de uma TJ e às vezes esqueço e dou-lhe bom dia e claro passo vergonha, pois finge que não me vê. Sinto falta de me associar com cristãos , peço à Deus que ilumine o meu caminho e de todas as ex TJS. C

    ResponderExcluir
  15. Olá Marcelino desassociado. Uma pena ver você querendo mostrar ou provar uma coisa que certamente não existe na Bíblia. Uma pena você estando afastado não procurar se aprofundar um pouco mais em coisas que a Torre de Vigia esconde de seus adeptos tais como datas erradas sobre Armagedom (1914, 1925, 1935, 1975 e 2000). Uma pena você ser tão submisso e isso pode ser resultado pela culpa que carrega e pela vontade de ser poupado para um paraíso. Isso deve ser trabalhado por você primeiramente, ou seja, primeiro tente se erguer e sair dessa sua culpa e quem sabe ter a coragem de qustionar a vida e o principal: a Torre de Vigia! Será que você consegue?

    ResponderExcluir
  16. Paula a "pena" talvez seja um sentimento pior que o rancor, pois você se coloca numa posição superior e de julgamento...acaso isso não pertence a Deus? Será que estou vendo soberba da sua parte? Será que quem está precisando ler a Bíblia e meditar sobre humildade sou eu? Boa leitura Paula!

    ResponderExcluir
  17. Cristina te convido para um espaço para Ex Testemunhas de Jeová muito bom. É o Fórum Ex Testemunhas de Jeová.
    http://extestemunhasdejeova.org/forum/portal.php

    ResponderExcluir
  18. Muito bom esse poste. Claro, fácil de entender.
    Fui TJ desde criança, já adulta parei de frequentar e comecei a questionar a postura e os ensinamentos das TJs.
    Lendo os comentários e tentando dialogar com elas (TJs) confesso, é o mesmo que dar murro em ponta de faca.
    Me sinto feliz, livre e isso pra mim já é mto!

    ResponderExcluir
  19. Recusa de raciocínio lógico : muitos fiéis tem preguiça de pensar, por isso são crédulos nas publicações. Jamais ousam a mencionar ou admitir qualquer erro na organizazão de Jeová, costumam tapar o sol com a peneira.
    E ai de quem não concordar com ele, mesmo sem ter raciocínio lógico vira um lobo feroz!
    O jeito é mudar de assunto. Não é fácil de lidar.

    ResponderExcluir
  20. amarcon
    oara Pascoal.
    Olá Pascoal, esta é a minha primeira participação neste forun, faço isto na esperança de obter uma resposta sincera e inteligente, pois confesso que acho teus comentários os mais sensatos de todos os que já li sobre estes assuntos. Minha indagação decorre do fato de que invariavelmente, ou com poucas exceções, quando lemos depoimentos de ex tjs. temos a impressão de que a única causa que fez com que êles abandonassem a organização foi o fato de descobrirem que estavaam sendo escravizados e manipulados pelos seus líderes. Alguns inclusive se encorajam a contestarem certas doutrinas ensinadas na organização, todas elas superficiais ou irrelevantes do ponto de vista da salvação da alma. Posso listar algumas: A polêmica dos 144 mil. Se a grande multidão vai para o Céu ou fica na terra. A tranfusão de sangue. As profecias que falharam, e outras mais, que com certeza Deus, na sua grande sabedoria, não leva em conta, pois sabe das nossas limitações. O que me impreciona é que todos os que saem daquele meio, saõ contundentes quanto a forma perversa da lavagem cerebral a que são submetidos, porém, não consideram lavagem cerebral o fato de terem incucado em suas mentes a considerarem Jesus Cristo apenas mais uma criatura, a engarem periptoriamente a trindade. Só estes dois pontos bastariam para afirmar que, se alguém se livrou da organização apenas no que diz respeito aos "penduricálhos", livrou-se de pouca coisa, visto que coou mosquitos e segurou camelos. A nossa salvação depende exclusivamente de aceitarmos Cristo como nosso único e suficiente Salvador. Quem abandona o Salão apenas pelos ítem mencionados em primeiro plano, na realidade saiu apena fisicamente, porém seu coração continua lá.

    ResponderExcluir
  21. Olá amarcon obrigado pelas palavras e vou tentar esclarecer suas dúvidas. Primeiro que existe diversas formas de sair das TJs (como em qualquer outro local) e com certeza existe tanto pessoas de excelente personalidade como pessoas não tão confiáveis que usam o "rótulo" ex TJ para se mostrar sempre vítima de algo e por vezes a pessoa não é tão santinha assim.
    Bem, mas para os que saem e tentam fazer de sua vida e a de outros algo melhor muitas vezes se revoltam contra qualquer forma de religiosidade. Isso é algo bastante comum. Por isso muitas vezes uma ex tj não quer nem mais ouvir falar de religião. Outros que saem e gostam e acreditam ainda na Bíblia acham difícil aceitar certas doutrinas como Trindade, Inferno. Por isso a dificuldade de muitos evangélicos em conversar com ex tjs.
    Mas, isso é um tempo que cada um tem no momento, pois a vida ensina todo dia algo novo.

    ResponderExcluir
  22. amarcon

    Achei a tua reposta bastante satisfatória. Gostaria que outros ex tjs também postassem as suas formas de verem o assunto, Porém só o façam se for para contribuir, sem rescentimentos ou agressividade.

    ResponderExcluir
  23. Ola Pascoal,
    Hj tenho 21 anos sou casada, fui TJ ate os 15anos, porem nunca fui batizada, tenho 2 irmaos que tbem nao vao mais a anos,minha mae eh TJ faz 28anos, a minha vida toda vejo os problemas que a minha ela enfrenta o salao do reino cortou as maos da minha mae, e a cegou, ela destruiu a nossa familia,pois nao tinhamos diversao com os amigos da escola e nem amizade,pq ela dizia que eles iam nos desviar,hj ela sofre de dores cronicas em todas as juntas do corpo,devido a pressao de fazer as coisas certas o tempo todo para ninguem apontar o dedo para ela.Minha mae eh linda, nova, inteligente,mas nao faz nada da vida sofre em casa,limpando,lavando,pois o salao diz que (neste tempo do fim) ninguem pode estudar, trabalhar,tem que ir soh no salao para salvar sua vida pois o fim esta proximo...quando eu era pequena ela me obrigava a ir ao salao,batia nos meus irmaos. E quando crecemos demos um basta nisso,pesquisando sobre a torre de vigia descobri tudo isso que todos ja sabem porem minha mae nao sabe disso, ja imprimi varios relatos contra os TJ e ela simplismente joga fora e nao le.Acho que ela tem medo de descobrir tudo, pq ela mesmo diz q o que a mantem viva e as coisas boas que o salao promete.Nao sei como mostrar toda essa verdade pra ela, pq eles tem resposta pra tudo e concerteza me chamarao de apostata e talvez ate minha propria mae vai virar a cara pra mim, dizendo que o Diabo esta me usando para desvia-la.
    Nao sei como fazer isso.Quero salvar minha mae desses psicopatas.Quero que ela seje feliz!!
    Parabens pelo blog. Se puder me ajude.

    ResponderExcluir
  24. amarcon escreveu.

    Já li bastante, neste e em outros sites, e confesso que quanto mais o faço, mais me surpreendo com a falta de opinião própria dos que permanecem na tal organização. É incrível a diferença de conteúdo e de lógica nas postagens de ex-tjs. comparadas com as que fazem aqueles que teimosamente permanecem submissos ao CG.
    Dito isto, gostaria de discorrer sobre um tema muito usado por todos os tjs. para afirmarem serem a única religião verdadeira. É quando êles dizem serem os únicas a pregarem em dupla de porta em porta, exatamente como Jesus mandou. Sinceramante acho muito pouco para que se arvorem como a única religião verdadeira. Primeiro porque não são os únicos a fazerem isto, e depois porque além disto deveriam cumprir a risca tudo mais que Cristo ensinou e madou fazer. Vamos a algumas: Jesus lavou os pés dos apóstolos e mandou fazermos o mesmo.As Tjs fazem? Jesus disse que deveríamos ser testemunhas Dele e não de Jeová. Jesus mandou batizar em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. As Tjs. fazem isto?. Certa vez Jesus mandou um moço vender tudo quanto tinha e dar aos pobres. As Tjs cumprem esta ordem? Aos mesmos discípulos que Jesus mandou irem de dois em dois, êle mandou impor as mão sobre os infermos e a expulçarem demônios. Fazem isto as Tjs? Jesus mandou amparar as viúvas, os órfãos; vizitar os doentes, vizitas os encarceirados, vestir os que não tem agazalhos etc. Onde está o braço social das Tjs?
    Então chega de vanglória, ou cumprem tudo o que Jesus disse e mandou, ou fiquem apenas num pequeno detalhe (ir de porta em porta importunar).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Claro. Eu gostaria de os ver como os missionários a falarem de Cristo onde nunca ninguém ouviu falar dele, ao mesmo tempo que tentam minimizar as condições precárias onde essas pessoas vivem, quer por catástrofes naturais, quer por guerras. Agora ir de porta em porta para deixar uma sentinela e sentirem-se com missão cumprida, aproveitando nesse dia para se espavonearem de fato e gravata ou de saia e blusa...nem duvido da suas boas intenções, só lamento não perceberem como estão a ser peças de um jogo.

      Excluir
  25. Marcon escreveu.
    Pascoal, gostaria de saber extamente como é efetuado o batismo pelas Testemunhas de Jeová. Posso contar contigo?

    ResponderExcluir
  26. Oi anônima (21 anos e casada). Olha que bom que pelo menos vocês conseguiram se libertar desses excessos que vemos tanto na Torre de Vigia como muitas vezes nos próprios adeptos. Sua mãe apesar de tudo deve amar vocês e na cabeça dela está cada vez mais desesperada por achar que vai perdê-los. O que poderia ser feito já que ela não quer ler nada de material falando da Torre é vocês investirem como família aumentando o contato e as demonstrações de afeto para com ela. Ela precisa mais agora desse carinho de vocês e no momento o ideal seria não tocar mais no assunto. Tudo tem seu tempo e o dela ainda não chegou. Invistam no amor icondicional que com certeza ela mais na frente vai notar que vocês melhoraram como pessoa e ela vai ter a curiosidade de saber por que.

    ResponderExcluir
  27. Marcon primeiramente é oferecido o estudo bíblico. Depois que a pessoa se interessa e passa a frequentar as reuniões é dado mais um passo para se tornar TJ: a pessoa precisa participar da pregação de casa em casa. Depois de um tempo pregando um ancião (pastor) tem uma reunião com a pessoa e estuda um outro livro sobre como funciona a Torre de Vigia. Passando e tendo a aprovação do ancião ela faz uma oração em casa se dedicando a Jeová e espera um congresso para mostrar publicamente sua dedicação com o batismo.

    ResponderExcluir
  28. Ola Pascoal,
    Eu sou a anonima de 21 anos.
    Quero agradecer pela resposta inteligente e carinhosa sobre o meu problema.Tenho muito amor pela minha mae e vou continuar ,eh vdd o q vc disse que o tempo dela ainda nao chegou, mas vai chegar.

    Agradecida.

    ResponderExcluir
  29. Marcon.
    Olá ascoal.Preciso me desculpar, pois não fui claro na minha pergunta. O que eu queria realmente saber é em nome de quem os TJs. são batizados. Existe os que batizam com base eno que Jesus ensinou: em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, enquanto outros seguem o que Lucas relata em Atos dos Apóstolos: Em nome de Jesus. De que forma o fazem os TJs?
    Obrigado.

    ResponderExcluir
  30. olá,meu nome é paula e naõ acho certo ficarmos questionando religião nao é. cada um vai aonde se sentir bem.pq cada um prestara contas com deus de seus atos se acharmos q nao estamos no lugar certo devemos levar o assunto em oraçãoe e deus nos mostrara o q devemos fazer,mais se sairmos nao devemos falar mal imaginem se todo mundo q estiver descontente com uma religiao sair falando mal?pensem bem existe varias pessoas q desistiram de suas religioes imagine se todas falassem mal

    ResponderExcluir
  31. "Cada um vai onde se sentir bem". Eu também acho. Então sigam a sua crença sem estar sempre a falar mal, em especial dos católicos, parece que nem têm argumentos melhores a não ser esses. Nem andem a fazer lavagens cerebrais a ninguém. Eu nunca vi ninguém desistir da religião católica ou de outra e andar a dizer mal...só mesmo os tj's. Porque será?

    ResponderExcluir

Esse espaço é para um diálogo construtivo...agressões, palavrões ou mesmo ataques pessoais vão ser solenemente excluídos. Comentários que tem uma base de raciocínio e um desejo sincero para aprofundar sobre os temas citados serão muito bem recebidos e publicados. Seria interessante (não obrigatório)ao postar o usuário se identificar!