quinta-feira, 9 de dezembro de 2010























O problema dos ex associados ou desassociados da confissão religiosa Cristã, Testemunhas de Jeová, chegou ao conhecimento do CRDHDR quando da realização de reunião na capital do Estado do Ceará, e era representado pelo fato de que segundo a denúncia apresentada, a igreja suscitava uma verdadeira exclusão social aos ex membros, onde o contato inclusive dos parentes próximos não era recomendado, a não ser em assuntos familiares, situação esta que causava e ainda causa inúmeros sofrimentos a todos que se encontram convivendo com este problema.

Assim, decorreu que houve a apresentação de denúncia relativa ao caso, com aceitação da mesma e apreciação pela 1ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Ceará, que após trâmite da ação, veio se pronunciar em 31 de agosto último, proferindo uma decisão por unanimidade, pelo trancamento da ação penal movida contra os anciãos da igreja em Fortaleza, motivada tão somente por uma questão de cunho jurídica relativa a parte que deveria ser acionada, a qual ao invés dos anciãos representantes da igreja no Estado do Ceará, deveria ter sido a comunidade eclesial da igreja nacionalmente, visto os óbices relativos ao “convívio social e familiar” serem um entendimento e determinação da congregação nacional, o que não inviabilizaria uma nova discussão judicial.

Face esta decisão, todo o grupo de desassociados, promoveu uma série de ações e manifestações, desde a divulgação de outdoors (foto) colocados em várias avenidas de Fortaleza, faixas, realização de manifestações públicas, distribuição de milhares de textos, participação em reportagens jornalísticas pela TV Assembléia (ALCE), debates e reportagem na TV União, debate na Rádio Universitária e mais reportagens.

e entrevistas na Radio AM do Povo, e Rádio CBN Nacional, audiências públicas televisionadas, etc, que não deixaram que o assunto fosse esquecido, decorrendo que face toda esta mobilização e interesse pelo assunto, a Procuradoria de Justiça do Ceará, promoveu neste dia 26.10.2010, a interposição recurso especial, que em sendo admitido, todo a questão será apreciada pelo Superior Tribunal de Justiça – STJ, em Brasília, o que de fato em ocorrendo se constituirá num marco no país.

Informações sobre as ações desenvolvidas pelo grupo de desassociados, podem ser acessadas abaixo.

http://extestemunhasdejeova.net/forum/viewtopic.php?f=11&t=6511

Caso Sebastião Ramos - Ministério Público interpõe recurso especial...

http://extestemunhasdejeova.net/forum/viewtopic.php?f=16&t=6506

Campanha educativa contra a desassociação ganha novo contorno estratégico em Fortaleza

O Centro de Referência, não poderia deixar de estar acompanhando e divulgando o andamento de todo problema, que já ganhou proporções internacionais, face o fato de toda a comunidade de ex membros das TJs estarem atentamente aguardando o desenrolar judicial da questão, servindo de exemplo para mobilizações em outros países onde a situação narrada é idêntica.

Texto: Elianildo Nascimento (Séc. Executivo CRDHDR)
Foto: Sebastião Ramos – Ex TJs Fortaleza



4 comentários:

  1. Para que isso, gente?

    As testemunhas de Jeová querem levar a verdade para cada pessoa, para que estas pessoas possam ser salvas do Armagedom.

    As testemunhas de Jeová estão defendendo no que acreditam, se vocês não gostam, problema de vocês, procurem uma religião (falsa) e finja que está contente nela, pois você não será salvo por Jeová.

    ResponderExcluir
  2. Bom dia ||||


    Eu , penso o seguinte a respeito do está ocorrendo em Fortaleza - ce . Esse grupo de pessoas o Sr.Sebastião e outros tem o pleno direito de querer os seu direitos a respeito do convivio familiar e social . Isso não é bom para as TJs , no Brasil. Quem pensa em se tornar uma TJ deve pensar duas , tres e quatro veses mais. Pelo que parece , e pelo que está acontecendo a nivel nacional , esta religião está fazendo uma especie de bloqueio psicologico nas pessoas que porventura estadam com elas . Será que elas falam aos seus estudantes que quando , alguma TJ sae de sua organização , esta mesma ficará sem esse convivio familiar e social ? Eu estou estudando a biblia com elas ; mas não estou sabendo e nem fui informado dessas coisas . Estou bem adiantado no estudo . Pergunto a voces se as TJs não aceitam opiniões . Se existem regras rigidas, ditadas vindas de sua organização . Será que as TJs e as futuras tem que fazer e viver segundo o que é publicado por elas vindas de sua organização . Pois se forem assim , irei pensar se continuarei com estudo . Irei perguntar ao meu instrutor , que é ancião , dizendo ele. Quero comparar, analisar as duas versões ,os dois lados .

    =================================================

    ResponderExcluir
  3. MUITO BEM CONCORDO COM A MANIFESTAÇÃO! ISSO DEVE SER PUNIDO OS TESTEMUNHAS SE ACHAM MUITO PURITANOS EM RELAÇÃO AS OUTRAS DENOMINAÇÕES

    ResponderExcluir
  4. Ola, boa tarde |||
    --------------------

    Gostaria de parabenizar a luta que o Sr. Sebatião e os demais de Fostaleza-ce estão fazendo em relacão aos direitos de liberdade de expressão e de culto ; principalmente com respeito a discriminação religiosa imposta pelas as Testemunhas de Jeová . Fui ancião e vi o perfeccionismo em certa parte colocado em pratica em alguns casos judicativos . Entreguei o privilegio voluntariamente ; não desejo mais voltar . Houve muitas coisas que ocorreram que foram determinantes para eu sair da organização .
    Não sou desassociado nem dissociado .
    Tem boatos, que Betel já revisou o Livro KS e enviou ou enviará em breve às congregações . E que não mais haverá comissão judicativa para julgar os irmãos ; e sim que quem pecar deverá assinar a sua saída . Torno a repetir é somente boatos . E isso ocorrerá em breve pelo fato do que está acontecendo na capital cearense . Inclusive tem muitos jovens desmotivados pelo fato de eles não terem perspectivas de irem morar em Betel . Por que em Betel não há mais vaga e tem havido cortes e redução de gastos na sede do Brasil . Tenho conversado com alguns jovens e eles afirmam que estão procurando emprego para se manterem . Conheço alguns irmãos que fizeram a escola ATM e esperaram serem chamados para irem trabalhar por tempo integral e não foram ; hoje são casados e tem suas familias . Pergunto : se estivessem ainda esperando estariam passando fome por assim dizer . Conheço um irmão que tinha um excelente emprego , decidiu pedir contas deste emprego para trabalhar por tempo integral ; não se adaptou e voltou para sua cidade . Hoje está pagando um preço alto por sua decisão precipitada . Conheço alguns idosos que reclamam que não são visitados pelos irmãos principalmente pelos os anciãos ; e que os mesmos só estão preocupados com o seu bem estar financeiro . Tenho ainda muitas coisas a mencionar .
    Enfim encerro .

    Anônimo |||

    ResponderExcluir

Esse espaço é para um diálogo construtivo...agressões, palavrões ou mesmo ataques pessoais vão ser solenemente excluídos. Comentários que tem uma base de raciocínio e um desejo sincero para aprofundar sobre os temas citados serão muito bem recebidos e publicados. Seria interessante (não obrigatório)ao postar o usuário se identificar!