sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015


Pela primeira vez a liderança das Testemunhas de Jeová resolve falar sobre os casos de Pedofilia que estão sendo denunciados dia após dia em várias partes do mundo. Vale salientar a relevância de tal acontecimento, pois muitos de seus adeptos afirmavam categoricamente que toda essa publicidade na mídia era uma coisa inventada ou no máximo um caso isolado que envolvia algum adepto ou ex-adepto, mas muito distante dos portões das Testemunhas de Jeová.

A urgência de Stephen Lett, um dos membros do Corpo Governante (homens que se dizem ser os escolhidos de Deus para divulgar Sua mensagem na Terra) de fazer um pronunciamento oficial revela que a divulgação nos meios de comunicação e nas mídias sociais estavam e estão fazendo um grande estrago na imagem da Torre de Vigia.

Ele diz no vídeo:

"Como exemplo, pense sobre as mentiras e desonestidade de apóstatas de que a Organização de Jeová é permissiva com pedófilos. Isso é ridículo, não é?

Percebam que ele NÃO NEGA que existam casos de pedofilia dentro da organização das Testemunhas de Jeová, mas tenta desviar o foco afirmando que as Testemunhas de Jeová não possuem políticas internas que incentivam a omissão de denúncias contra os pedófilos. Complementa usando a tática mais comum quando o fundamentalismo religioso quer encerrar um assunto e não sabe como: criam um inimigo e o demonizam como originador de mentiras.
É falso porque vem dos apóstatas e opositores! Ou seja, é uma afirmação maniqueísta e simplista, mas basta para que muitos dos seus adeptos, condicionados a não pensarem por si próprios, acreditem e não pesquisem.

Sim, as Testemunhas de Jeová possuem casos de abuso sexual! E por que nunca foi comentado nas revistas ou publicações dessa denominação religiosa? Por que não alertaram seus adeptos dos perigos reais de existirem pedófilos atuando dentro das Congregações?

A resposta é simples e vergonhosa: a reputação da igreja está acima do bem estar de seus adeptos.

Créditos do Vídeo: TJ Curioso:



Categorias:

7 comentários:

  1. Gostaria de saber, se você tem filhos? se sim, seria natural quando o seu bebê nascer, alguém afirmar que ele SERÁ ou você TERÁ um filho pedófilo?
    Você se sentiria indignado! correto?
    Agora você NUNCA poderá NEGAR da POSSIBILIDADE do seu filho virar um pedófilo! como, um bandido ou um drogado.
    Por todos serem falhos, a organização nunca vai negar que NÃO EXISTE ou EXISTIU pedófilo. Mas ela não também não vai afirmar que tem até que se prove ao contrário. Mas a organização não afirmou que NUNCA HOUVE caso desse tipo.
    A declaração que você citou no seu texto, extremamente radicalista e extremista, é clara no ponto que o membro do Corpo Governante quis frisar:
    A Organização das Testemunhas de Jeová não tolera e não é conivente com quem pratica esse crime... e ponto!
    Agora você quis interpreta que a organização, afirmou, nunca ter ou ter havido um pedófilo! essa é sua interpretação deturpada.
    Pois essa afirmação não pode ser dita dentro de qualquer âmbito onde se tenha pessoas imperfeitas.
    O problema não é ter pessoas que praticam um crimine dentro de QUALQUER religião e sim a ATITUDE sobre esse ato.

    Imaturo e Extremista... só o que eu posso definir do seu texto.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ao Anônimo 27 de fevereiro de 2015 12:58.
      Em primeiro lugar vamos deixar claro uma coisa: acredito que nenhuma religião vai ter no seu caderninho de dogmas uma matéria incentivando seu adepto a ser pedófilo. Então, NUNCA falei que as Testemunhas de Jeová "incentivam" atos de Pedofilia. Esclarecido esse ponto vamos ao principal e que você não quis perceber ou não tem informação suficiente para ter algum juízo de valor.

      Porém, qual é a atitude e orientação da Torre de Vigia (representante legal das Testemunhas de Jeová no mundo)? Aí, está o X da questão. Não existe uma política interna de denúncia imediata de um pedófilo. E isso eu posso comprovar com cartas e com o livro destinado ao anciãos (pastores) das Testemunhas de Jeová.

      No livro Pastoreim o rebanho de Deus págs 131-133 é citado:
      buso de menores
      18. Telefonem imediatamente ao Escritório
      Pedindo orientações se ficarem sabendo de uma acusação;
      ou de abuso de menores, independentemente da
      idade que a vitima têm hoje ou quando supostamente
      sofreu o abuso, mesmo que tenha ocorrido antes do
      batismo do suposto autor do abuso. O Escritório dará
      orientações com base nas circunstancias de cada caso.
      19. Abuso de menores e crime. Nunca sugiram a
      urna pessoa que deixe de denunciar um suposto
      caso de abuso de menores a policia ou a outras
      autoridades. Se lhe perguntarem, deixe claro que fazer
      isso e uma decisão pessoal e que não ha sanções
      congregacionais, seja qual for a decisão. Os anciãos
      não devem criticar alguém que faz esse tipo de denúncia
      as autoridades. Se a vitima desejar fazer uma
      denúncia, ela tem todo o direito de fazer isso. - Gal.
      6:5.

      Continuando meu comentário:
      Se você percebeu a Congregação deve satisfação ao escritório da Torre de Vigia, mas formalmente só falará com as autoridades se a família vítima do pedófilo procurar a polícia.

      Acesse esses links e leia as cartas e se surpreenda!
      http://extestemunhasdejeova.net/forum/viewtopic.php?f=13&t=14099&st=0&sk=t&sd=a&start=15

      http://extestemunhasdejeova.net/forum/viewtopic.php?f=13&t=7030

      Excluir
  2. Negación y mas negación de un hecho que carcome las congregaciones

    ResponderExcluir
  3. alguem me prova ser totalmente perfeito? deixa todo mundo mostrar o seu melhor se unir contra o erro. obrigado

    ResponderExcluir

Esse espaço é para um diálogo construtivo...agressões, palavrões ou mesmo ataques pessoais vão ser solenemente excluídos. Comentários que tem uma base de raciocínio e um desejo sincero para aprofundar sobre os temas citados serão muito bem recebidos e publicados. Seria interessante (não obrigatório)ao postar o usuário se identificar!