sábado, 3 de março de 2007

Porque Raymond Franz, sobrinho de Fred Franz, havia renunciado ao Corpo Governante no ano anterior e estava trabalhando e morando no terreno de Peter Gregerson, uma ex-Testemunha de Jeová, dissociada, que possuía uma cadeia de supermercados, empregando mais de trinta irmãos, inclusive Ray Franz que, ao sair do Corpo Governante precisava agora trabalhar para se manter e à sua esposa, Cynthia. Certo dia, Ray almoçava com ele e por causa disso, foi chamado para comparecer a uma comissão judicativa (tribunal inquisitorial humano que julga as Testemunhas de Jeová "errantes"). Almoçar com Peter foi o motivo, sim, a única razão pela qual ele foi rapidamente expulso da organização à qual servira por mais de 40 anos. Isso ocorreu em dezembro de 1981. Ray Franz não achava que havia alguma prova de que aquele homem idoso, Peter Gregerson, se encaixava em nenhum texto usado pela Sociedade através de seus algozes, três anciãos de sua congregação. Embora tenha tentado fazer tudo que estava a seu alcance, ele terminou por não poder continuar naquela que havia sido a organização que ele defendera por todo o curso de sua existência e à qual ele havia dedicado cada dia de sua vida. E realmente tem sido assim com muitos outros que saem também por MOTIVO DE CONSCIÊNCIA. Em segundo lugar, os textos da Bíblia que falam sobre "não conviver nem mesmo cumprimentar pessoas", não foram escritos para absoluta generalização e aplicação a qualquer pessoa que sai por meramente discordar dos ensinamentos DA SOCIEDADE, mas não da Bíblia.


2 comentários:

  1. O fato de alguém romper com a Torre de Vigia não significa que rompeu com a Bíblia. E a Bíblia chama os seguidores de Deus de testemunhas de Jeová. Isaias 43:10-12 . Assim como uma pessoa sair do catolicismo não significa que ela rompeu com a Bíblia. E a Bíblia chama de " testemunha de Jesus" quem de fato O LEVA A SÉRIO. Atos 1 : 8

    De modos que a Torre de Vigia tem realmente " pisado na Bola" e quando a coisa vai pretejar, eles " tiram o corpinho fora" jogando a culpa em " todos".

    Acredito que uma pessoa que foi injustamente desassociada pode muito bem estar sintonizada com Deus e Jesus sem ter que se submeter a uma religião que aluga Salõs do Reino para comércio , artes marciais, danças sexys e depois sai pregando de casa em casa que a Bíblia condena tais coisas. Isto é hipocrisia. E se para ir à reunião e ser hipócrita, é preferível não ir à tal reunião.

    ResponderExcluir
  2. Para quem quer romper é simples:envia uma carta aos "ancioes" ou ao "corpo governante do pais" manifestando sua vontade de sair e pronto! Mas romper com uma sociedade humana nao e abandonar a Deus. Deus é amor, e da pra ver que as coisas que eles dizem sao erradas quando eles falam que nao havera pedao se vc ao ser dessassociado nao falar com outro "irmao" igualzinho voce... entao que especie de Deus eles estao falando? De um Deus intolerante e incapaz de perdao???

    ResponderExcluir

Esse espaço é para um diálogo construtivo...agressões, palavrões ou mesmo ataques pessoais vão ser solenemente excluídos. Comentários que tem uma base de raciocínio e um desejo sincero para aprofundar sobre os temas citados serão muito bem recebidos e publicados. Seria interessante (não obrigatório)ao postar o usuário se identificar!