sábado, 15 de fevereiro de 2014


Um promotor público em Oklahoma, apresentou uma moção alegando que a organização das Testemunhas de Jeová, mas especificamente o Corpo Governante (órgão central que tem a responsabilidade de coordenar e promover a obra das Testemunhas de Jeová no mundo), estão envolvidos em esconder crimes de abuso de menores.
Em novembro de 2013, Ronald Lawrence de 76 anos foi acusado na Corte Distrital Pittsburg County com 19 acusações, incluindo 11 de abuso sexual lascivo, sete de sodomia forçada e uma acusação de estupro por instrumentação. As supostas vítimas nos casos eram duas meninas pré-adolescentes e um menino de 5 anos de idade na época. Lawrence foi preso pela polícia McAlester depois que três pessoas se apresentaram no ano passado, alegando que tinham sido molestadas há cerca de 30 anos. 
Um depoimento do caso relata que uma mulher foi molestada dos 8 até os 13 anos de idade. Uma segunda mulher alegou que foi molestada por Lawrence entre 10 e 13 anos, e um homem alegou que ele foi molestado com 5 anos de idade.
De acordo com a polícia, Ronald era um Ancião (terminologia própria das Testemunhas de Jeová para designar um Pastor) na Igreja das Testemunha de Jeová na época dos abusos. O sargento Chris Morris complementou: "Ele não é mais um ancião, mas ele ainda é um membro da igreja".
No depoimento, Lawrence afirma que confessou as autoridades de sua igreja os casos de pedofilia e deu o nome dos quatro Anciãos (Pastores) das Testemunhas de Jeová que, segundo ele, estavam cientes de alguns dos incidentes.
O promotor público que fez a denúncia alegou que as lideranças das Testemunhas de Jeová impediram que as vítimas denunciassem os abusos sexuais para manter a "boa" imagem da igreja perante a sociedade.
Lawrence foi libertado da prisão em 24 de novembro depois de pagar uma fiança de US $ 50.000, tendo como restrição não ter contato com nenhuma das supostas vítimas do caso. Se condenado, ele pode pegar até prisão perpétua.
OBS: O texto foi baseado no link abaixo.


Categorias:

12 comentários:

  1. Eles protegem -se no manto da boa moral, um dia vamos perder o medo e viver sem dogmas e religião ai iremos ser iguais, hoje eles tem o manto da boa moral para proteger.

    ResponderExcluir
  2. Sabe li esta postagem por um acaso, não sabia da existência dessa página, Minha Mãe se tornou TJ a uns 28 anos atrás desde então ela ficou muito fria, não se interessa pela familia, não faz questão nenhuma de ficar perto das filhas (eu e minhas 2 irmãs)...... eu não gosto dessa religião.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Voce ainda nao viu nada...

      Excluir
  3. É uma das seitas mais perigosas e manipuladoras do mundo.Todo ser humano tem o direito a escolher qualquer credo religioso ou filosófico,mas também tem o dever de examinar se o que ele acredita está embasado em verdades e não em mentiras,qualquer religião ou ideologia que proíbe a liberdade de questionamento ou expressão deve ser questionada.Não seja cego examine as escrituras leia a Bíblia e veja se o caminho que você está seguindo é verdadeiro mesmo e prega o amor e não a separação de pessoas e famílias.

    ResponderExcluir
  4. Recalque eh foda!!!!! Vcs são imensamente estúpidos!! Procurei testemunhas de Jeová no google e infelizmente vi esse esse blog/site.Desde criança conheci Jeová e isso nao me doutrinou ou me tornou fanática, só uma pessoa melhor..hoje não sigo, mas nao deixo de reconhecer o benefícios que conhecer a verdade me trouxe.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mari, sinceramente não entendo sua revolta e seus palavrões. O que a descontrola? Descobrir que a religião que escolheu esconde fatos dessa gravidade que citei? Pesquise no Google matérias sobre pedofilia e encobrimento por parte da Torre de Vigia que vai encontrar muito mais. A questão é se você tem capacidade de assimilar o que vai descobrir ou prefere ficar no mundo de Alice e suas maravilhas. Você decide!

      Excluir
    2. Se você acredita que tudo que eles ensinam é a verdade, então vc tbm sabe que vai ser destruida no armagedom porque não segue né querida? Esse é seu benefício de conhecer a verdae?

      Excluir
  5. Minha mae tj de raiz foi durante alguns anosnda infancia molestada sexualmente por seu irmao,que na época ja era servo minst. Tornou se mais tarde anciao. Ate que no ano 2004 minha mae ja nao aquentava mai enterrar o passado que na verdade nao havia passado... Foi entao quendecidiu chamarbo sup de circuito encolocar tudo em pratos limpos.Meu tio irmao dela foi ausentado do cargo mas hj em dia ja voltou para a tribuna.Gracas A Deus meus olhos foram abertos eu sai ja a cinco anos desse lixo de organizacao humana,sou discriminada pelos meus pais que ja nao falam comigo mais
    Mas quandonme lembro daquela casta soberba chego a enojar!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com exceção ao abuso minha experiência é similar a sua, meus irmãos não falam comigo, proíbem meus sobrinhos que vi nascer a qualquer contato ... Difícil ..

      Excluir
  6. Poxa concordo que as TJ são uma seita extremamente radical é hipócrita! Vive desde meu nascimento até os 16/17 anos na organização (como a chamam).
    Mas dai associar as TJ aos abusos ocorridos sobretudo na Igreja Católica já é demais. É evidente que existem abusos em diversos casos, muitas vezes devido a uma doença psicológica (sim, isto é um fenômeno psicológico) que ocasionam tais abusos, mas dai dizer que elas (TJ como um todo) encobrem já é demais. Isto viola um dos mais importantes pilares desta religião, os quais estão associados a princípios morais. Sim concordo que caso possa ter ocorrido e que seja sim verdade, mas não venham me dizer que é generalizado na organização como um todo.

    ResponderExcluir

Esse espaço é para um diálogo construtivo...agressões, palavrões ou mesmo ataques pessoais vão ser solenemente excluídos. Comentários que tem uma base de raciocínio e um desejo sincero para aprofundar sobre os temas citados serão muito bem recebidos e publicados. Seria interessante (não obrigatório)ao postar o usuário se identificar!